18 maio 2022

Como resolver as rachaduras na parede?

Com frequência encontramos rachaduras, fissuras ou trincas na parede, principalmente em construções mais antigas, normalmente sem muito reparo. Porém, todos esses problemas ocorrem por diferentes fatores, por isso, é necessário saber diferenciá-los para resolver e evitar essas complicações.

Neste post, vamos mostrar algumas medidas essenciais para resolver as rachaduras das paredes!

Mas, você sabe a diferença entre fissuras, trincas e rachaduras

Antes de tudo, para dar fim nas rachaduras das paredes, é necessário saber identificá-las, pois há vários nomes usados para diferentes problemas e que são confundidos com muita frequência.

Fissuras: atingem apenas a superfície da parede (revestimento e pintura), com abertura de até 0,5mm;

Trincas: atingem a alvenaria, indo de 0,5mm a 1,0mm;

Rachaduras: já as rachaduras são grandes buracos na parede, profundos, com espessura bem mais aberta, superior a 3mm. Em alguns casos, podem abrir brechas para entrada de vento, água e luz, sendo considerado um caso de urgência.

 

Quais as causas das rachaduras?

  • Essas falhas nas paredes podem ser causadas pelo recalque do solo, mal planejamento da obra ou excesso de peso em cima da estrutura;
  • Também pelo uso de materiais de baixa qualidade que podem reagir de forma diferente à dilatação;
  • A mudança de temperatura pode afetar os materiais, fazendo-os diminuir ou aumentar de tamanho, elevando as chances do aparecimento de rachaduras no imóvel.

Como tratar as rachaduras?

O conserto dependerá do tipo de rachadura, somente a avaliação de um profissional qualificado para garantir a medida mais segura a ser tomada.

Em ocorrências mais simples, a reforma pode ser feita da seguinte forma: com uma espátula em formato de “V” abrimos toda a extensão da rachadura, raspamos a tinta das laterais e limpamos a superfície para evitar o surgimento de bolhas. Para preencher a trinca utilizamos uma massa acrílica para vedação. Após isso, aplicamos uma tela veda trinca, cobrimos com massa corrida, lixamos e finalizamos com a tinta.

Nas rachaduras maiores é necessário abrir um pouco mais a fenda, encaixar uma tela de aço e cobrir com massa de areia lavada com cimento. A tela precisa ficar abaixo do nível da parede para ter um bom acabamento.

Portanto, nem toda rachadura é sinônimo de perigo, mas sim de alerta.  Em caso de dúvida, procure ajuda de um profissional para avaliar a situação e indicar a melhor maneira de lidar com o problema.

O que você achou dessas dicas?? Continue nos acompanhando para mais!

Pensando em reformar ou construir, vem pro Almeida Materiais de Construção.

Visite nosso site: www.almeidamateriais.com.br